Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Sempre Na Moda

O teu cabelo de sonho

dani, 05.08.11

   Encara isto assim: a partir de hoje, o teu cabelo está de dieta. Sabes como quando estás "de dieta" rigorosa não comes absolutamente nada mau, nem uma bolachinha, tratas-te da melhor forma possível e até fazes exercício para acelerar as coisas? Para o teu cabelo crescer muito, até ser bem comprido, e manter-se, é isso que precisas de fazer.

 

   Toda a magia acontece no couro cabeludo. Dele crescem 1cm de cabelo por mês, em média, desde que tenha material para construir e um bom ambiente onde “viver”.

   Dito assim parece simples, mas é bem mais complexo – principalmente, porque a maioria de nós tem um ou vários maus hábitos no que toca a cabelo. Presta bem atenção:

 

  • Cortar o cabelo de três em três meses é óptimo para retirar as pontas duplas (tendo assim um saldo de 2cm saudáveis, que nunca mais terás de cortar, por mês).
  • Não uses produtos fora da validade. É óbvio, mas muitas de nós (eu incluída) por vezes desviamos os olhos, ou não prestamos atenção.
  • Evita deixar o cabelo preso o dia todo, principalmente se ele estiver molhado.
  • Não uses acessórios como borrachas não revestidas, e evita borrachas de todo, de preferência.
  • Distúrbios hormonais afectam o crescimento. A queda de cabelo e unhas quebradiças são sintomas de problemas hormonais.
  • Cabelos fragilizados crescem mais lentamente. Eles ficam tão fracos que se partem. Faz uma (duas, se tiveres cabelo seco) hidratação semanal.
Tumblr_loag1forsf1qam6r1o1_500_large
  • Mantém uma alimentação saudável.
  • Usa produtos para o teu tipo de cabelo, e de boa qualidade. Se quiseres, usa um champô anti-queda. Mesmo que não tenhas muita, ajuda a fortalecer o cabelo.
  • Deixa de fumar. A nicotina é uma poderosa vasoconstritora, estreitando os vasos sanguíneos do couro cabeludo, que transportam nutrientes essenciais ao cabelo.
  • Controla a oleosidade do cabelo.
  • Activa a circulação sanguínea. A má circulação é o principal factor que impede o crescimento dos fios. Se não houver problemas, garantirás que o fio recebe todos os nutrientes necessários.
  • Massaja o couro cabeludo aquando da lavagem, ou vira a cabeça para baixo e passa os dedos. Esta posição faz com que o sangue flua mais facilmente. E não esqueças a actividade física. O exercício faz com que o coração bombeie sangue mais rápido. Resultado: os aminoácidos, vitaminas e nutrientes chegam mais facilmente ao cabelo.

 5433861605_1d27eed4f2_z_large

 


Como é que a alimentação e oleosidade afectam o crescimento?

 

   “És o que comes” aplica-se perfeitamente. O cabelo e unhas são partes do corpo muito periféricas, e por isso, os nutrientes só chegam lá depois de serem usados para tudo o que é vital – se chegarem. É óbvio que, entre ceder zinco ao teu cabelo e aos teus ossos, o teu corpo escolhe os ossos. Por isso, se não comeres boas quantidades de vitaminas, minerais e proteína, eles podem nunca chegar ao teu cabelo.

 

 

 

 

   O excesso de oleosidade age como uma película protectora, impedindo os aminoácidos de chegarem à raiz do cabelo. Também favoreces o aparecimento de fungos que impede o fio de crescer, descamando o tecido do couro cabeludo, impedindo que o fio capilar saia.

   Para evitar essa situação, evita calor e usar demasiado produtos. Enxagua bem no fim de passar o champô, só depois passas o condicionador (evitando o couro cabeludo/raízes se possível) e todos os finalizadores que fiquem no cabelo não devem chegar muito perto da raiz. Não tomes banho com água quente, pois ela estimula a produção das glândulas sebáceas e sobreaquece o cabelo, formando pontas duplas. Evita dormir com os cabelos molhados, pois não secam e ficam oleosos.

 

 

Tumblr_lp8s2zc8nm1qmtpujo1_500_large

 

 

   Em suma, mantém uma alimentação nutritiva com muita água, a oleosidade controlada, e não sejas agressiva com o cabelo. Hidrata frequentemente e evita calor. Tem paciência! O cabelo cresce a velocidades diferentes, dependendo da pessoa.

 

   Precisas de um estilo de vida saudável para um bom cabelo, bonito e sadio, pela razão que já foi referida: é algo periférico. O cabelo e unhas são bons indicadores da nossa saúde, pois são afectados facilmente pela maior parte dos outros problemas que possas ter, uma vez que são o último sítio onde chega o que é preciso – se não tiveres o suficiente, não chega de todo.

 

4276219917_5a1f4e5463_z_large

 

   Por fim, se o teu cabelo não crescer mesmo, culpa os teus pais. É provavelmente uma questão genética.

 

   Se tiverem algum pedido sobre isto, quiserem ajuda para pôr alguma coisa em prática, deixem comentário. Por exemplo, estão interessadas em saber as vitaminas  e minerais importantes para o vosso cabelo?

 

   Beijinho, dani

Comentar:

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.