Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Sempre Na Moda

Queda de cabelo

dani, 23.07.11

   Uma cabeleira normal tem cerca de 120000 cabelos que crescem cerca de 1cm por mês, num ciclo composto pelo crescimento, repouso e queda. Uma queda normal pode ir até 100 cabelos por dia.  85% do cabelo está na fase de crescimento, que dura cerca de 3 anos. Os restantes 15% estão na fase de queda.

   O mais importante não é tanto a quantidade que cai, mas sim se ele está a ser substituído.

 

 

Sinais

  • Demasiados cabelos na escova
  • Cabelo muito mais fino
  • Cabelos na almofada
  • Inflamação do couro cabeludo (manchas vermelhas)
  • Peladas

   Se os sinais forem muito graves e persistirem (principalmente se já tiveres peladas), consulta um dermatologista. Se não for o caso, este post pode ajudar-te.

 

 

 

 

 

Causas

 

    Existem vários factores para que a queda de cabelo se suceda. Alguns são apenas factores temporários e podem ser facilmente evitados. Confere:

 

  • Hereditariedade (pode ser tanto transmitido pelo lado paterno ou materno).
  • Queda sazonal (Primavera e Outono).
  • Stress, depressão, ansiedade.
  • Agressões diárias: ganchos e elásticos apertados, sol, água quente, secador, vento, poluição…
  • Má utilização de produtos. Lê sempre o folheto antes de usar.
  • Excesso de oleosidade.
  • Alimentação restritiva, pobre em proteínas e vitaminas. Algumas dietas causam queda de cabelo.
  • Doenças como anemia, ou até mesmo febres e infecções, assim como certos medicamentos.
  • Gravidez e pós-parto; caso normal e quase sempre passageiro.
  • O uso da pílula e alterações hormonais.

 

   Podes evitar tudo isto (excepto o primeiro factor, obviamente) se tiveres cuidado com o teu cabelo. Dá mais trabalho ter cuidado com o cabelo do que parece à primeira vista. E, apesar de existir muitos produtos para a queda de cabelo, eles não tratam dos factores internos que a originam. O teu cabelo é um óptimo reflector do teu estado de saúde, pois vários sistemas do teu organismo podem afectá-lo.

 

 

4249348172_bd0faa4523_z_large

 

 

 

Cuidados

 

Relaxa

Sê feliz. Diverte-te com os teus amigos, pratica meditação ou põe Norah Jones a tocar e fecha os olhos uns minutos. O stress e ansiedade também são grandes inimigos de um cabelo farto.

 

Conhece o teu tipo de cabelo

Utiliza o que mais se adequa a ti, que respeite pH do cabelo. Ao usar um champô e condicionador com proteínas, estas penetram no cabelo fortificando-o.

 

Não abuses dos produtos

Utiliza a quantidade de produto (champô, condicionador, etc) certa e espalha bem. Evita o uso de fixantes, que acabam por actuar também no couro cabeludo.

 

Evita tintas

E outros produtos demasiado agressivos para o teu cabelo, como aquele que têm muito álcool. Usa produtos suaves.

 

Perde tempo a lavar

Espera até a água estar perfeitamente morna (nunca quente). Usa os dedos e nunca as unhas e, no fim, passa por água fria.

 

Ao natural

Seca com uma toalha fofa “absorvendo” a água, pressionando-a contra a cabeça sem friccionar. Secador deve ser usado a baixa temperatura e potência e uma distância de, pelo menos, 30 centímetros do cabelo, só depois de aplicar protector de calor. É melhor usá-lo com difusor e, de preferência, não uses.

 

 

Th_500_333_1301044466_tumblr_lh84luyx5a1qfqaggo1_500_large

 

 

 


Vende carinho

Evita mexer no cabelo com as mãos. Escova-o raramente (prefere os pentes de dentes largos) e usa escovas com as pontas das cerdas redondas. Usa penteados que não puxem a raiz ou façam muita tensão nos fios de forma a parti-los. Borrachas desprotegidas são proibidas.


Cuidado com o sol

Evita os raios solares com chapéus e um protector de raios UV para cabelo, para além de ter sempre o cabelo bem hidratado.

 

Cuide da alimentação

Uma alimentação equilibrada, variada e nutritiva, de forma a receber todas as vitaminas, proteínas e outros nutrientes necessários a saúde do teu corpo e cabelo.

 

Bebe. ÁGUA.

É essencial para a tua saúde, não imaginas o quanto! Em questões de cabelo e pele, pode ser a resposta que ainda não encontraste para os teus problemas, e poupar o dinheiro que gastas em produtos.

 

Cortar o mal pela raiz?

Não, cortar cabelo não ajuda na queda. O problema está no couro cabeludo. Desde que não tenhas pontas espigadas e o cabelo esteja bem tratado, não há razão para cortares, a menos que assim desejes.

 

Resumindo: BEBE ÁGUA, sê gentil com o cabelo, protege-o do calor e sol e usa os produtos certos, correctamente. Certifica-te de que o cabelo está sempre bem hidratado e bem tratado.

 

 

Tratamentos

 

   Para os casos sazonais que parecem persistir, um suplemento vitamínico (comprado na farmácia, com a ajuda de um profissional) pode ser suficiente. E, se já tiveste todos estes cuidados por dois meses ou mais (sem falhas!) e não notaste melhoria, está na altura de procurar um especialista. Não peças ajuda ao farmacêutico, pois muitas vezes irá apenas recomendar o produto mais recente. Marca uma consulta com o dermatologista, que saberá qual o melhor tratamento para o teu caso específico.

 

Bónus: máscara caseira

 

Para quem não quer gastar dinheiro numa máscara semanal ou não gosta de usar muitos químicos, fica aqui uma máscara fácil e barata para fazer em casa:

  • 1 iogurte natural
  • 1 ovo inteiro
  • 1 gema
  • 1 abacate pequeno
  • 1 colher de chá de mel
  • fio de azeite

 

 

 

 

Lava o cabelo e deixa secar ao natural.

Dilui o mel em 50ml de água tépida. Junta ao iogurte.

Bate os ovos com o fio de azeite e adiciona ao resto.

Descasca e descaroça o abacate. Esmaga-o e vai adicionando o resto da máscara até tudo ficar cremoso. Se precisares, adiciona mais um pouco de água morna.

Aplica no cabelo (já pouco húmido) com a ajuda de um pente. Cobre com uma touca para que não te sujes e o calor da água fique retido.

30 minutos depois, enxagua bem e lava novamente.

 

   Não posso fazer mais nada por vocês, meninas, já vos dei tudo! Sigam tudo religiosamente e boa sorte  :)

 

   Tens queda de cabelo?

 

   Beijinho, dani

2 comentários

  • Imagem de perfil

    dani 28.07.2011

    Obrigada  :)
    Se páras o tratamento e volta a queda, talvez o problema seja interno
    Tenta seguir todos os conselhos deste post religiosamente, e vê bem nas causas se não encontras uma possível tua. Talvez consigas poupar o dinheiro!
    Beijinho, fica bem
  • Comentar:

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog tem comentários moderados.

    Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.